Como manter a saúde e o bem estar em tempos de pandemia?

Por Bruna Siqueira

Todos os anos, criadores, profissionais e grandes empresas do audiovisual, da música e da inovação se reúnem no Rio de Janeiro para momentos de aprendizado, relacionamento, negócios e entretenimento. Plataforma que antecipa tendências e reflete sobre as dinâmicas do mercado, o Rio2C, o maior evento de criatividade e inovação da América Latina , existe sobretudo para fomentar a convergência entre todas as pontas da economia criativa.

Em 2020, devido ao distanciamento social, o evento aconteceu online. O espaço BrainSpace, patrocinado pela Icatu Seguros na conferência, teve como propósito compartilhar um conteúdo inspirador com diversas reflexões de como será o novo futuro para a humanidade diante do contexto atual. Leia a seguir um resumo das principais palestras dessa faixa. Têm os principais destaques sobre saúde e bem estar para te inspirar nesse momento de distanciamento social.

Exercitando a empatia

O debate “Meditação, Cotidiano e Sociedade Isolada” abordou como o redimensionamento do espaço físico e do tempo causado pela pandemia vem mudando rotinas, interações humanas e o que devemos esperar do mundo pós-Covid 19.

Para a cientista da UFRJ Márcia Barbosa, o grande desafio pessoal que temos para o futuro é nos construirmos diferentes para, assim, construirmos uma nova realidade. “Devemos usar esse tempo em casa para refletir como não voltar para o velho normal, entendendo a importância do conhecimento, da diversidade e do compartilhamento daqui para frente.”

Na percepção da neurocientista do Hospital Albert Einstein, Elisa Kozasa, as pessoas veem o confinamento de formas diferentes. Algumas o encaram como uma prisão e outras como um santuário, uma forma de proteção e privilégio. Para a neurocientista, uma forma positiva de viver esse momento é olhar para outras possibilidades e não ficar tão centrado em si próprio.

“Acho que é preciso exercitar a empatia. A vida é muito frágil e somos vulneráveis. Estamos sendo incentivados a olhar para os outros antes de olharmos para a gente”, resumiu a atriz e escritora Maria Ribeiro.

A importância da rotina

O distanciamento social tem afetado diretamente nossa mente e cérebro. No painel “Saúde mental e vida urbana”, neurocientistas e pesquisadores discutiram sobre construir um novo futuro para a humanidade. “Fomos programados para viver em comunidade. As pessoas estão hiperconectadas e isoladas ao mesmo tempo”, disse o psiquiatra e pesquisador da UNICAMP Luiz Fernando Tófoli.

Ronald Fischer, psicólogo e pesquisador do Instituto IDOR, falou sobre a importância de manter uma rotina durante o distanciamento social para preservar a saúde mental . “Acordar no mesmo horário, organizar o que vai fazer no dia, além de práticas como a mindfulness, meditação e a yoga, que podem ser feitas em casa, vão ajudar as pessoas a ficarem um pouco mais calmas e saudáveis nesse momento”.

Para Sidarta Ribeiro, neurocientista e diretor do Instituto de Cérebro da UFRN, o que vai ajudar a humanidade a atravessar esse momento, além da ciência, é a cooperação. “Temos que utilizar a nossa capacidade humana de cooperar. Entre países, entre corporações, entre Estado e setor privado, entre os movimentos sociais. Em muitas comunidades, quem está fazendo a diferença são as pessoas do próprio local”, relatou.

Visões de futuro

O painel “Antecipações do futuro” falou sobre aplicação de inteligência artificial na predição da pandemia, emergências de saúde e o futuro da nossa relação com a natureza.

“No nosso processo de cura e regeneração, vamos ter que trabalhar na nossa regeneração enquanto seres humanos também.Cuidar da natureza, reduzir desigualdades sociais. Isso, se possível, até 2030, pois é uma agenda que a ONU nos propõem”, diz o professor de Ecologia da UFRJ Fábio Scarano. “Caso a gente consiga usar as tecnologias a favor da natureza, vamos ter de fato um pensamento planetário, que integra todas as áreas da biosfera”.

Ficou curioso para assistir tudo na íntegra? As conferências do Brainspace, assim como todas as transmissões do evento, estão disponíveis no canal do YouTube do Rio2c

Leia também: 

Publicado por Bruna Siqueira

Deixe seu comentário