O que os avós tem a ensinar sobre finanças - Blog Icatu Seguros

O que os avós tem a ensinar sobre finanças

Por blogicatu

Para celebrar o Dia dos Avós, comemorado em 26 de julho, resgatamos uma série de ditados populares que podem ser valiosos na hora de investir. São provérbios cheio de sabedoria que trazem grandes ensinamentos para as mais diferentes áreas da vida, inclusive a financeira. Veja abaixo alguns conselhos da vovó muito úteis para aplicar melhor seu dinheiro.

“Não coloque todos os ovos na mesma cesta”

Esse velho ditado é um dos mais repetidos no mercado financeiro. Diversificar é a recomendação número um dos especialistas em investimento. A dica é: dividir o montante em aplicações diferentes, em vez de concentrar tudo num só lugar. Assim, é possível minimizar perdas caso algum investimento não saia tão bem quanto o esperado.

“O apressado como cru”

Quando se trata de investimentos de longo prazo como a previdência, sair correndo atrás do melhor retorno e ficar trocando de fundo toda hora não é boa ideia. O que foi ótimo hoje pode ser ruim amanhã, e vice-versa. Ao optar por um fundo não olhe apenas a performance dele nos últimos meses, veja o resultado ao longo do tempo. Avalie com cuidado. Em investimentos, principalmente de longo prazo como a previdência, é preciso ter calma e paciência.

“Vão-se os anéis, ficam os dedos”

Tem momentos na vida em que algumas perdas são inevitáveis. E para essas fases o velho ditado traz dois ensinamentos. O primeiro é saber que às vezes é preciso se desprender de bens materiais e priorizar o mais importante na vida, como a saúde e a família. E estar preparado para recomeçar. Aí entra a segunda lição: manter uma reserva de emergência para enfrentar esses momentos.

“Antes tarde do que nunca”

Essa dica tão otimista da vovó se encaixa perfeitamente no mundo dos investidores. O melhor momento para começar a guardar dinheiro e investir é agora. Não importa que você não tenha conseguido fazer isso antes. Achar que não dá mais tempo é adiar mais uma vez. Pode ser que você não consiga realizar aquele sonho dourado, mas certamente poderá colocar em prática outros projetos mais realistas.

“De tostão em tostão se chega ao milhão”

O tostão circulou de 1918 a 1935 no Brasil e nunca mais saiu do nosso vocabulário. Aqui voltamos à velha moeda para lembrar da importância de investir, nem que sejam pequenos valores. Se o que você tem hoje para aplicar parece muito pouco, não importa. No mercado existem opções para investidores de todo perfil e tamanho. A disciplina do poupador e a regularidade das contribuições fazem milagres em uma reserva financeira.

Seus avós nem imaginam, mas por trás dos seus bordões estão fundamentos básicos do mercado financeiro. Portanto, da próxima vez que ouvir a vovó repetir um refrão, fique atento. Certamente, ali tem um bom ensinamento para você cuidar melhor dos seus investimentos.

Publicado por blogicatu

Deixe seu comentário