“O filho escancara a necessidade de viver o presente” Marcelo Tas - Blog Icatu Seguros

“O filho escancara a necessidade de viver o presente”

Marcelo Tas

Por blogicatu

Para um bate-papo sobre paternidade, juntamos dois especialistas no tema em uma live especial no nosso canal no YouTube.

O primeiro é o jornalista Lair Rennó. Conhecido por ter feito parte do programa Encontro com Fátima Bernardes, da Rede Globo, ele é pai de duas meninas: Carolina, de 12 anos, e Ana, de 15. O segundo se multiplicou em muitos nas últimas décadas: já foi, por exemplo, o repórter Ernesto Varela e o Professor Tibúrcio, alguns de seus personagens mais famosos. Além dos filhos Luc, Clarice e Miguel, Marcelo Tas também ajudou a dar à luz atrações como Rá-Tim-Bum, Programa Legal, Casseta & Planeta, Telecurso 2000 e CQC. Hoje, esse pai multimídia apresenta o #Provoca, na TV Cultura.

Imprevistos: fonte de aprendizado

No começo da live, os dois pais conversaram sobre os tantos imprevistos que a paternidade traz, e como eles podem ser fonte de aprendizado. Lair lembrou que sua filha mais velha, Ana, não foi planejada, e perguntou a Marcelo Tas como foi a chegada do primeiro filho.

“Eu creio que no caso de todo mundo é um imprevisto. Mesmo para quem tem aquele planejamento ‘suíço’. Muitas vezes, você decide: ‘Vai ser daqui a um ano e meio’, e não vem. Porque quem escolhe é a natureza”, disse Tas. 

Ele destacou que os filhos podem nos ensinar muito, justamente por nos obrigarem a lidar com vários imprevistos: “O grande aprendizado que eu tenho todos os dias é que quando você tem um filho, é como se você ligasse um relógio que nunca mais será desligado.”

Ex-colunista da revista Crescer, onde por 8 anos escreveu sobre a criação e educação de crianças, Tas continuou: “O filho é uma história que nunca termina. O filho mostra a importância da gente viver cada dia, viver o presente.”

Durante toda a entrevista, Tas destacou que viver plenamente o hoje é sua receita para relações plenas. “Quando alguém me falou que a gente ia falar do pai do futuro, para mim é muito claro que o pai do futuro é o pai que descobre o presente. O pai que sabe a força e a riqueza de coisas a serem observadas no momento presente.”

Tas continuou a explicar: “Muitas vezes, quando você está angustiado com o passado ou ansioso com o futuro, você não está onde? Onde você precisa estar: no presente.”

Primeiro filho

Lair e Tas lembraram que o primeiro filho sempre coloca à prova pais e mães, sobretudo financeiramente. Afinal, a novidade traz impactos no bolso, sobretudo dos mais jovens.

“Você estava acostumado com a vida de solteiro. Na hora em que você se acostuma com aquela microeconomia dos amigos, de morar com alguém, dividir os custos de uma república ou de um apartamento e vem um filho, é sempre a sensação: ‘Eu não vou dar conta'”, lembrou Tas. 

No fim das contas, segundo ele, tudo se resolve. O Professor Tibúrcio provou na prática essa sua teoria: quando ficou sabendo que seria pai pela primeira vez, Tas vivia em Nova Iorque, onde estudava cinema graças a uma bolsa de estudos. Quando voltou ao Brasil, prestes a ser pai, estava desempregado. Aí, foi convidado para participar da criação do icônico programa infantil Rá-Tim-Bum, na TV Cultura. “A chegada da paternidade junto com esse desafio me deu musculatura”, recordou, orgulhoso do resultado. 

Um é pouco, dois é bom, três é…

Lair, que é pai de duas filhas, perguntou a Tas como é ser pai de três. “O primeiro é a grande descoberta da paternidade. O segundo é maravilhoso porque você vê como um ajuda na educação do outro, influencia o outro. O terceiro filho é o descontrole, acho que a palavra é essa. O que não é mau.”

Será que o repórter Ernesto Varela poderia explicar melhor para os pais que pretendem ter três? Tas continuou: “A melhor imagem do terceiro filho quem me deu foi a dona Ruth Cardoso, esposa do FHC, que uma vez me disse: ‘Até o segundo filho você tem segurança de atravessar a rua segurando os dois pelas mãos. No terceiro, alguém vai atravessar sozinho.’ E você vai ter que imaginar novas formas de lidar com esse risco. E risco, ainda mais falando de uma seguradora, é parte da vida. Filho é algo que te conecta à vida”.

Apesar da imagem que pode assustar os pais e mães que querem ter três filhos (sobretudo os que se imaginaram tendo de atravessar a rua com tantas crianças), Tas destacou uma vantagem de ser pai mais de uma vez: “Cada filho é uma oportunidade de você entrar num universo riquíssimo, que você nunca teria acesso se não tivesse um filho”.

Equilibrar presente e futuro

A Conversa com Especialista do Dia dos Pais também contou com perguntas de quem assina o nosso canal. Jefferson Batista quis saber se existe uma forma de equilibrar presente e futuro. 

Tas lembrou de um exemplo que vem do esporte. “Temos que aprender com os surfistas. O surfista é um cara que, se ele rema antes, ele toma caixote da onda. Se ele demora a remar, ele perde a onda. Você precisa praticar atividades que te conectam com o presente: meditar, cantar, praticar atividades esportivas e até orar. Essa tarefa é danada: se conectar com o presente.”

Planejamento financeiro

Já Déborah Bethônico perguntou se é importante incentivar os filhos a se organizarem para ter no futuro sustentabilidade financeira. Para Tas, a educação financeira é tão importante que deveria fazer parte da grade curricular das escolas. “Educação financeira é uma forma excelente de conexão com os filhos. Ela é concreta. Diz respeito sobre você ter ou não recursos para comprar uma camisa, um tênis, para viajar.”

Tas lembrou que, quando criança, ainda com 8, 9 anos, decidiu começar a vender as pilhas de jornais que se amontoavam na casa de seus pais e avós após serem lidos. “Meu pai e o meu avô me mostraram que aquilo tinha um valor para o açougueiro. Aquilo foi uma educação financeira muito importante.”

Depois de tantos anos e três filhos, será que o pai Marcelo Tas de ontem é tão diferente do pai de hoje?, Lair quis saber. E Tas respondeu: “Hoje, eu consigo viver intensamente o imprevisto. A gente tem que encarar o previsto com coragem”.

Assista ao bate-papo inteiro aqui:

Inscreva-se no nosso canal no YouTube e ative as notificações para não perder os próximos encontros.

Publicado por blogicatu

Deixe seu comentário